Coronavírus: Em MS, taxa de ocupação de leitos de UTI é de 2,6%

ads

Atualmente, Mato Grosso do Sul possui 151 leitos de UTI disponíveis para o tratamento dos pacientes com casos mais graves do coronavírus. Deste total, até o momento, 4 leitos estão ocupados, ou seja, com uma taxa de ocupação de 2,6%, como mostra o boletim epidemiológico elaborado pela Secretária de Estado de Estado (SES).

Já em relação aos leitos clínicos disponíveis, o Estado tem hoje 866 leitos, com uma taxa de ocupação de 1,2%, o que representa 10 leitos ocupados.

 

“Este número refere-se a todo o Estado, referente ao que os municípios trabalharam para disponibilizar para o Covid-19. A taxa de ocupação é pequena. Nós temos 124 sul-mato-grossenses recuperados, ou seja, que venceram a luta contra o coronavírus”, disse o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende.

 

Sobre o isolamento social, Resende ressalta: “Se quisermos manter essa forma de controle de governança do coronavírus, precisamos melhorar as taxas de isolamento social”.

 

Recentemente, o Governo Federal habilitou em Mato Grosso do Sul 60 novos leitos de UTI para tratamento dos pacientes contaminados pelo coronavírus. Deste total, disponibilizados em sete municípios, 10 leitos são do Hospital Regional de MS, em Campo Grande; 7 leitos na Fundação Hospitalar, em Costa Rica; 5 leitos na Sociedade Beneficente Dona Ermíria, em Sidrolândia; 5 leitos na Santa Casa de Bataguassu; 10 no Hospital Nossa Senhora Auxiliadora de Três Lagoas; 5 leitos no Hospital Municipal de Chapadão do Sul e 18 leitos em Nova Andradina. Com Subsecretaria de Comunicação

ads
ads

Você pode gostar

Vídeos Quentes
ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
× Fale conosco pelo whatsapp!