Covid-19: Em plena pandemia, 50% dos leitos de UTI do HR de Nova Andradina estão ocupados

ads

Em plena pandemia de covid-19, o município de Nova Andradina já está com 50% dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional (HR) Francisco Dantas Maniçoba ocupados.

A informação foi apurada pelo Nova News junto ao diretor da unidade, Norberto Fabri no início da tarde deste sábado (27).

Conforme o levantamento, o HR possui, ao todo, 18 leitos de UTI, sendo oito exclusivos para pacientes vítimas da covid-19 e dez leitos para o público em geral.

Sobre os 10 leitos gerais, 05 estão ocupados, sendo que, 04 desses pacientes estão fazendo uso de respiradores, o que equivale a 50% de ocupação.

Com relação aos 08 leitos exclusivos para covid-19, 50%, ou seja, quatro estão ocupados, sendo dois pacientes confirmados e dois suspeitos. Um deles está fazendo uso de respirador.

Norberto Fabri disse que este cenário de ocupação se refere ao período da manhã deste sábado (27), sendo que, os números podem sofrer alteração a qualquer momento.

Levando em conta o volume populacional de Nova Andradina, que tem, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), cerca de 54 mil habitantes, e o crescente avanço de casos confirmados de covid-19, que, nas últimas horas, chegou a 40 confirmações, entre elas, 23 pacientes ativos, a estimativa é de que a ocupação total dos leitos de UTI não demore para ocorrer.

Nova Andradina conta ainda com pelo menos nove pacientes suspeitos à espera de resultados de exames que estão em processamento no Laboratório Central. O município registou também seu primeiro óbito pela doença nesta sexta-feira (26).

Outro fator que deve ser levado em conta é que o Hospital Regional, como o próprio nome sugere, atende não apenas a população de Nova Andradina, mas de toda a região, o que torna o cenário ainda mais preocupante diante do avanço do novo coronavírus no Vale do Ivinhema.

As autoridades de saúde reforçam o apelo à população para que promovam o isolamento social e adotem as demais medidas preventivas para que não haja o colapso no sistema de atendimento.

Caso a ocupação dos leitos de UTI em Nova Andradina chegue a 100%, os pacientes seriam encaminhados para Dourados, porém, como já vem sendo noticiado, por lá, a situação é caótica, com 2.397 confirmações, 1.704 suspeitos e 18 óbitos. 

ads
ads

Você pode gostar

Vídeos Quentes
ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco pelo whatsapp!