Indígena de 104 anos vence o coronavírus e hospital comemora cura de anciã

ads

A anciã indígena Matilde Valério, de 104 anos, recebeu alta nesta quarta-feira (2), curada da , o novo coronavírus. A idosa estava internada há 8 dias no hospital de Aquidauana, a 143 quilômetros de distância de Campo Grande.

A idosa recebeu tratamento na enfermaria por 8 dias, e não chegou a precisar ficar na UTI (Unidade de terapia Intensiva). “Nós, do Hospital Regional Dr. Estácio Muniz, desejamos muita saúde a nossa querida paciente Matilde”, comemorou em nota.

Matilde foi uma das vítimas que contraiu a doença na Aldeia Bananal e já está em casa com seus familiares.Após sentir alguns sintomas como febre alta e tosse, no dia 27 de agosto.

Coronavírus nas aldeias de MS

A aldeia chegou a registrar 4 mortes em decorrência da doença no mês de agosto. As aldeias e comunidades indígenas de Mato Grosso foram autorizadas a receber ajuda voluntária da ONG (Organização Não Governamental), dos Médicos Sem Fronteira, no combate ao coronavírus, após serem suspensas pela União.

ads
ads

Você pode gostar

Vídeos Quentes
ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco pelo whatsapp!