NOVA ANDRADINA TERÁ MAIS 92 MORADIAS DO PROGRAMA LOTE URBANIZADO

ads

Por meio do programa habitacional Lote Urbanizado, Nova Andradina vai realizar o sonho da casa própria para mais 92 famílias. As moradias serão construídas em três bairros: Jardim Imperial (54 unidades), Campo Verde (28) e Jardim Universitário (10 casas).

A Secretaria de Serviços Públicos já iniciou a limpeza e preparação das áreas disponibilizadas pelo município que irão abrigar as novas unidades habitacionais.

“Nova Andradina mais uma vez tem a parceria do Governo do Estado para um projeto tão importante, que é o de construir casas para quem mais precisa. Somos gratos ao governador Reinaldo, à diretora Maria do Carmo e toda sua equipe da AGEHAB, que soma esforços com a nossa equipe da Agehnova, sob o comando de Marcia Lobo, para ajudar as famílias a conquistarem sua tão sonhada casa própria”, frisou o prefeito Gilberto Garcia.

De acordo com a diretora da Agehnova, Marcia Lobo, o Lote Urbanizado é um programa voltado às famílias com renda mensal de 1 até 5 salários mínimos, que não conseguem financiamento para materiais de construção. Mas existem critérios de priorização, como mulher chefe de família, idosos, pessoas que têm filhos e pessoas com deficiência.

“Este programa só é possível de ser realizado na cidade, por conta do comprometimento da prefeitura e a parceria Estado-Município. Os beneficiários não vão precisar pagar nenhuma prestação e têm até 24 meses para construir a sua tão sonhada casa”, explica a diretora-presidente.

Em Nova Andradina, 48 famílias já foram contempladas por este programa.

Programa Lote Urbanizado

Na prática, no programa Lote Urbanizado, a prefeitura doa o terreno, dotado de infraestrutura básica como água, energia, arruamento e iluminação pública, designa assistência técnica e providencia o Alvará de Construção (para o início) e o HABITE-SE (na conclusão da obra).

O Governo do Estado, por sua vez, constrói a base da casa de 42,56m2, com contrapiso, instalações hidráulicas e sanitárias até a primeira fiada de tijolos. Daí por diante, o cidadão dá continuidade na 2ª etapa da construção de sua moradia, seguindo os padrões da AGEHAB.

Para participar desta nova etapa, o cidadão interessado precisa realizar o cadastro no sistema de inscrição da AGEHAB. Após passar pelo processo de seleção, os contemplados serão chamados e deverão comprovar em documentos que possuem condições financeiras para adquirirem os tijolos e os cimentos até o respaldo.

ads
ads

Você pode gostar

Vídeos Quentes
ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco pelo whatsapp!