Recanto abriga natureza preservada e lenda com sereia em Bodoquena

ads

Localizado às margens do Rio Salobra, o Recanto Pedras do Canaã é um atrativo para quem curte a natureza e gosta de preservá-la

Em um tempo bem distante, um senhor usava o rio para fazer o transporte de sua produção do campo até cidade. No meio do rio, havia uma pedra muito grande e, em suas viagens, conta o homem que aparecia uma sereia. A lenda ficou conhecida na região da Serra da Bodoquena e levou o empresário André Omizolo a batizar o mais novo ponto turístico da região de Pedras do Canaã.

Formado em administração rural e consultor na área rural, André recebeu uma proposta para transformar uma fazenda comum em turística. Ele gostou da ideia e resolveu tocar o próprio negócio. “Fazemos parte do entorno da reserva da serra Bodoquena. É uma das maiores áreas de Mata Atlântica do Mato Grosso do Sul, estamos em frente a maior cachoeira do Estado, a Boca da Onça, e temos uma natureza quase intocada, exuberante”, conta.

Localizado em uma região privilegiada, às margens do Rio Salobra, em meio a Serra da Bodoquena e próximo ao Parque Nacional da Serra da Bodoquena, o Recanto Pedras do Canaã é um atrativo para quem curte a natureza e gosta de preservá-la. Com camping, Day Use,
Boia Cross e um passeio contemplativo com trilhas guiadas, o Pedras do Canaã é uma opção deliciosa que une aventura e contemplação.

“É um ótimo passeio para quem busca qualidade de vida e sossego na natureza, não tem bagunça, é pra descansar mesmo”, afirma a professora de yoga Letícia Fernandes Nascimento, que já planeja a terceira visita ao local.

Além dos atrativos naturais, como o rio cristalino, a diversidade de mamíferos e aves, a culinária também é destaque no Recanto, como a abóbora cabotiã com carne de sol e os drinks com frutas tropicais.

Sempre focado na conscientização ambiental, André está fazendo parcerias para visitas guiadas à região. “O objetivo é não agredir a natureza de forma nenhuma. Estamos fazendo um trabalho de um passeio em uma área que antes era visitada sem coordenação, onde as pessoas depredavam muito. Agora vamos fazer a visitação guiada, orientando as pessoas quanto ao uso correto da área para evitar degradação”.

Quem quiser mais informações, pode acessar o site www.pedrasdocanaa.com.br

ads
ads

Você pode gostar

ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
×

Powered by WhatsApp Chat

× Fale conosco pelo whatsapp!