Saiba que horas acompanhar o eclipse na sua cidade hoje (14)

ads

Nesta segunda-feira (14), acontecerá um eclipse solar que será visível em algumas cidades do Brasil. O fenômeno proporcionado pela passagem da lua entre o Sol e a Terra — ocultando parcialmente ou totalmente sua luz — é raro e poderá ser visto em sua totalidade em regiões do Chile e Argentina, mas também será possível visualizá-lo em algumas partes do país.

Para acompanhar o fenômeno, basta acessar o site Time and Date, que permite pesquisar especificamente pela sua cidade e os previsão para efeitos do eclipse. A grande São Paulo, por exemplo, será uma das cidades na área alcançada pela obstrução de luz e alcançará seu ápice às 14h05, com 32% de ocultação do disco solar. A região Sul terá um eclipse mais acentuado, já que estão mais próximos do centro da sombra projetada pela Lua.

Resta torcer que o tempo favoreça o espetáculo e não o encubra no grande momento. Por isso, acompanhe algumas previsões do tempo das principais capitais que poderão acompanhar o eclipse solar:

  • São Paulo: possibilidade de chuvas às 14:05;
  • Rio de Janeiro: possibilidade de chuvas às 14:14;
  • Belo Horizonte: céu parcialmente nublado às 14:13;
  • Porto Alegre: parcialmente nublado às 13:51, com 54% de ocultação solar;
  • Curitiba: possibilidade de chuvas às 13:58;
  • Florianópolis: nublado às 13:58, com 45% de ocultação solar;
  • Joinville: chuva forte às 13:57, com 40% de ocultação solar;
  • Santa Maria: céu parcialmente nublado às 13:43, com 53% de ocultação solar;
  • Campinas: chuva forte às 14:03;
  • Campo Grande: chuva forte às 13:39;
  • Como assistir ao eclipse solar no Brasil

    Vale lembrar algumas dicas para observar o eclipse solar sem prejudicar a visão. A principal é: não observe a ocultação solar diretamente, é recomendado que utilize uns óculos escuros especiais ou máscara de soldador para reduzir ao máximo a exposição dos olhos aos raios solaresa

Observar o evento através de câmeras, telescópios e binóculos também são uma boa alternativa, mas será preciso ajustar a abertura da lente para captar o fenômeno com mais detalhes. Óculos de sol convencionais ou chapas de raio-X não são eficientes, podendo causar danos permanentes à visão.

Para os que estarão em cidades distantes do evento ou com o céu tomado por nuvens, haverá transmissões ao vivo promovidas pela NASA e o site Exploration.

ads
ads

Você pode gostar

Vídeos Quentes
ads
Nas noticias
Carregar Mais
ads
× Fale conosco pelo whatsapp!